25set
2012

KIEV – UM PEDACINHO DA UCRÂNIA

Publicado por

KIEV, um pedacinho da Ucrânia é o primeiro post de uma série que serão escritas pelos meus pais, retratando recentes viagens deles pela Europa. Para quem curte as boas coisas da vida, viagens com pegadas culturais, bons restaurantes e excelentes hotéis, vale a pena ler e se der ir lá para conferir, posso garantir que as dicas são quentíssimas. Vale ainda dizer que meu avô era Ucraniano, então essa viagem, com certeza marcou muito!

KIEV – um pedacinho da Ucrânia

mapa-ucrania-kiev-300x300

Banhada pelo rio Dnipro, Kiev, a capital da Ucrânia, é uma cidade com pessoas alegres e agradáveis, segura e com muita luz. Estivemos lá em Agosto, juntamente com o sol e temperatura na casa dos 25 a 30 o. C. Você pode voar para Kiev pela Ukraine Airlines, saindo das principais cidades européias diretamente para o aeroporto Borispyl, a 35 km do centro da cidade, por onde passam 8 milhões de viajantes por ano. No dia do jogo final da Euro-2012 foi atingido o record de 630 vôos.

Kiev

Kiev é uma das cidades mais antigas da Europa Oriental, fundada no século V. Foi destruída em 1240 e teve perdas enormes durante a Segunda Guerra Mundial. Em 1991, a Ucrânia declarou-se independente da União Soviética e Kiev manteve-se como capital. O idioma ucraniano, derivado de línguas eslavas, é “parecido” com o russo e usa o alfabeto cirílico. Hoje é a 7ª. maior cidade da Europa, com quase 3 milhões de habitantes, abrigando importantes indústrias de alta tecnologia, centros científicos, educacionais e culturais.

A infra-estrutura é muito boa, assim como o transporte público e o metrô, cuja construção foi iniciada em 1949 e por onde trafegam, diariamente, 1,4 milhões de pessoas. Ali está uma das mais profundas estações de metrô do mundo, a 105 metros da superfície. A arquitetura das estações é invejável.

Kiev-Metro

Kiev-Metro – “a arquitetura é invejável!”

A Independence Square foi eleita o principal ponto da cidade. É nesta praça que tudo acontece. O The Globe, maior shopping, está ali e, à noite, a praça é totalmente iluminada, com milhares de pessoas assistindo à dança das águas ao som de músicas regionais e internacionais. É INESQUECÍVEL!

Praca-da-Independencia-Centro-de-Kiev-Ucrania

Praça da Independência – Centro de Kiev (Ucrânia)

O custo de vida é baixo, se comparado ao nosso, aqui no Brasil. A culinária ucraniana é bastante variada, usando batata e vegetais como principais ingredientes. Pratos tradicionais: varenyky (à base de batatas), borscht (sopa de beterraba) e salo (à base de gordura de porco).

Varenyky

Ukrainian borscht

Borscht

Meus pais num restaurante típico ucraniano

Por incrível que pareça, apesar dos pratos extremamente calóricos, os ucranianos são magros e as ucranianas exibem “impiedosamente” suas barrigas chapadas e sua beleza incomparável (posso falar isso porque sou casado com filha de ucraniano).

Pai, desculpe, mas essa foto eu que coloquei para retratar as ucranianas, senão com certeza, alguém iria perguntar…rs

Ficamos no hotel Hyatt, localizado a cerca de 1 km de distância da Independence Square e na frente da bizantina Catedral de Santa Sofia, cuja pedra fundamental foi lançada em 1037, mas concluída somente 20 anos depois. A Catedral faz parte do Patrimônio da Humanidade, da UNESCO. A cerca de 1 km desta catedral fica o Monastério St. Michael’s Golden-Domed, o qual foi demolido pelas autoridades russas em 1930, mas reconstruído em 1999. Dezenas de outros monumentos históricos estão espalhados pela cidade. Imagine, eles precisam contar a história de 1000 anos de vida!

Catedral de Santa Sofia – faz parte do patrimônio da humanidade (UNESCO)

Monastério St. Michael’s Golden-Domed

Se você continuar andando a pé (será que é por andar muito a pé que os ucranianos são magros?), poderá descer pelas ruas estreitas nas encostas do Monastério, onde existem muitos restaurantes, exposições artísticas, lojas de souvenirs, etc. para alcançar o rio Dnipro. Se você preferir, existe um funicular que chega ao rio em poucos minutos. O Dnipro, que nasce no Mar Negro, é um dos mais extensos do mundo, tendo 2.300 km de extensão, passando pela Rússia, Bielorússia e Ucrânia. É navegável e, em Kiev, você poderá se divertir muito passeando em barcaças para mais de 300 pessoas. Como a praia mais perto está a 500 km, o povo local e turistas usam as 16 praias artificiais do rio, formadas por areias brancas e finas, para “pegar uma cor”. O futebol é o esporte mais popular em Kiev e o time do Dínamo de Kiev é o mais querido. A vida noturna é agitada, com clubes que funcionam 24 x 7, ou seja, ininterruptamente.

Funicular para o rio Dnipro, ao fundo

Rio Dnipro

Escudo do Dínamo de Kiev – time mais popular da Ucrânia

O país recentemente foi sede da Euro 2012

Para matar a saudade, você ouvirá muitas vezes por dia o Michel Teló cantando “Ai se eu te pego” nas rádios ucranianas. Por falar em saudade, já estou com vontade de ir novamente para Kiev. Posso dizer com certeza que Kiev vai estar muito acima das suas melhores expectativas. Vá assim que você puder…

Valeu pai e mãe! Ficou excelente! Love u! Bjss

Meus pais na frente do Hotel Hyatt, segundo eles um dos melhores da Europa