06fev
2013

Lincoln: A obra-prima do cinema realista

Publicado por

Lincoln não é um filme de ação, aventura ou suspense (ponto).

 

Lincoln: A obra-prima do cinema realista 

Poster oficial do filme

 

Todo o conflito está registrado nos livros de história e, se no passado Spielberg nos serviu com histórias fantasiosas como Jurassic Park; agora, com o excepcional Lincoln, ele nos coroa com uma forte dose de realismo.

Está tudo ali, intrínseco à Guerra Civil: o clima pesado, obscuro – muitas vezes melancólico – diálogos intensos e elenco arrebatador. Se tivesse parado por aí, Spielberg já teria feito um dos melhores filmes do ano, mas colocou a cereja em cima do bolo: escalou Daniel Dai Lews para o papel principal. Poucas vezes o cinema viu uma interpretação tão real, sincera e genial.

Daniel Day Lewis e Spielberg

Day Lewis caracterizado como Lincoln

 

O filme é baseado no livro “Team of Rivals: The Genius of Abraham Lincoln”, de Doris Kearns Goodwin. Consumiu 10 anos de trabalhos e pesquisas, além de um investimento de U$ 65 milhões. O resultado dessa cifra são as 12 merecidas indicações ao Oscar 2013. Entre outras, concorre nas categorias de melhor ator, melhor filme, atriz e ator coadjuvante e roteiro adaptado.

 

Tommy Lee Jones no papel de sua vida

Aproveite que o filme ainda está em cartaz e tenha uma experiência mais completa: Lincoln é um filme que merece o valor do seu ingresso no cinema.

Fica a dica do Esquenta para a sua agenda das próximas semanas, para hoje 4a feira (dia em que normalmente Cinema é mais em conta) e porque não, para aqueles que querem um programa mais sossegado no Carnaval.

 

Lincoln refletindo sobre a situação da Guerra

 

One more thing
Para entender melhor o filme, o Esquenta preparou um pequeno contexto histórico:
A Guerra Civil Americana, também chamada “Guerra de Secessão” foi o conflito que dividiu o País quando as colônias do Sul – que praticavam uma colonização de exploração (semelhante ao Brasil colonial) – se voltaram contra as ideias liberais e progressistas das colônias do Norte. A guerra terminou com a vitória do Norte e o fim da escravidão. O embate é até hoje uma ferida não cicatrizada dentro da sociedade estadunidense, assim como a Guerra do Vietnã e o 11 de setembro.

 

Confira o trailer do filme Lincoln (legendado):

 

 

 

Boa diversão!

 

Agradecimento especial: Marcos Muller (companheiro de trabalho, redator, amigo e apaixonado pela 7a arte) pela indicação da matéria, texto e imagens.