18dez
2012

Cerveja e mulher combinam mais do que homem imagina!

Publicado por

Foi-se a época na qual Cerveja era algo exclusivo de homem, futebol, boteco e vinculado à mulheres semi-nuas. Atualmente, existem estabelecimentos comerciais que colocam esse tema como verdadeira lenda-urbana. Um ótimo exemplo, de que cerveja e mulher combinam é o Bistrô de Beleza DETRICH, que oferece para suas clientes bebidinhas como: cervejas, cervejas especiais, prosecco e até cachaça!

Mulher bebe SIM cerveja! E para vocês terem ideia, dois dos grandes profissionais do país, especializados em cerveja, são Mulheres, as Sommeliers Káthia Zanata e Cilene Saorin.

Eu fui no Bistrô de Beleza DETRICH provar a cerveja de mesmo nome, Detrich-Bier Primavera, feita pela Urbana cervejaria. Nesta cerveja de trigo há um ingrediente especial, damascos turcos!! Bem equilibrada, não tão amarga, frutada e aromática! Está mais pro estilo Belga do que Alemão, pois não sobressai o cravo, mas sim um frutal cítrico, espuma média e baixa turbidez, porém, não tão “branca” como uma Wit beer, tem uma cor dourada clara.

Continue Lendo

07nov
2012

Uisque Branco, nova aposta da Jack Daniel´s após quase 1 século de vida!

Publicado por

O Uisque Branco é composto com 7% de centeio, essa nova receita da destilaria Jack Daniel’s representa a virada de jogo da marca que trabalhou por 90 anos o lendário Tennessee Whiskey.

Uisque Branco

Após 90 anos trabalhando praticamente os mesmos maltes, Jack Daniel’s apresenta nova bebida à base de centeio

Atualmente, apenas micro destilarias trabalham o conceito do uísque branco, como a Death’s Door, em Wisconsin; Finger Lakes Distilling, em New York; Tuthilltown, em Hudson Valley; a Copper Fox Distillery, na Virginia do norte; e House Spirits, em Portland. O Whiskey Jack Daniel Rye unaged, como o próprio nome sugere, não passa por processo de envelhecimento, é incolor e tem aroma doce e frutado.

Continue Lendo

16out
2012

MOBILI Restaurante, incrível da entrada à sobremesa!

Publicado por

Se você é daqueles(as) que curte conhecer novos lugares, gosta de ambiente descolados, aprecia o bom atendimento e, principalmente, a excelente gastronomia vá correndo conhecer o MOBILI Restaurante, inaugurado recentemente, nos Jardins em São Paulo, Capital.

MOBILI Restaurante

Mobili Restaurante local

mobili restaurante

Upcycle é uma tendência aplicada à moda, decoração e arquitetura que se destina a reaproveitar resíduos desvalorizados pelas empresas de reciclagem, é empregado para nomear a transformação de algo no fim de sua vida útil em algo novo sem precisar passar por nenhum processo físico ou químico de reciclagem. A proposta proporciona um estilo único, charmoso e criativo ao espaço. O Mobili Restaurante, entre outras coisas, tem o teto revestido com madeira que antes fora de caixas de vinho, demais né?

O local, onde funcionava o antigo Biboca, foi totalmente reformado, é pequenino, aconchegante e com pegada ecológica/sustentável, ideal para casais, poucas pessoas ou até pequenos grupos. Lugar para apreciar a cozinha contemporânea, com pratos ecléticos que remetem a Europa e Ásia, lugares onde o chef-proprietário Daniel Oppenheim estudou e morou por quase uma década, tudo acrescido, claro, de uma pitada brasileira com muita fluidez e leveza, características estas, inclusive, que deram nome ao restaurante. Ahhh não posso esquecer de dizer que o renomando Beto Tempel (ex-chef Le French Bazar), hoje consultor, foi um dos idealizadores do projeto junto com o Daniel e seu irmão Marcelo Oppenheim, também proprietário da casa.

daniel oppenheim

O chef Daniel Oppenheim

Continue Lendo

24set
2012

Bebidas em trajes de gala

Publicado por

Bebidas nos dia de hoje passaram a representar status, glamour e até sonho de consumo, a indústria e o marketing investem pesado no mundo inteiro. Na primeira matéria do AreaH, aqui no Esquenta, conheças as edições limitadas e packs de luxo das principais marcas do mercado. Talvez você jamais prove alguma destas!?

Bebidas em trajes de gala

bebidas em trajes de gala

Qual o sabor de um conhaque de US$ 1 milhão? E de um whisky de US$ 22 mil? Muito provavelmente, você jamais irá descobrir. Mas isso não impede que você saiba da existência das mesmas e que se permita a sonhar em degustar essas iguarias de sabor e processo de produção tão raros e especiais. Conheça algumas das bebidas mais caras do mundo:

- Absolut Crystal
Uma das marcas de vodka mais apreciadas do planeta, a Absolut, conhecida pelo design atrativo de suas garrafas, partiu para o mercado de luxo com a concepção de um recipiente de cristal. A Absolut Crystal é especial por ser esculpida manualmente em uma fábrica localizada em Reijmyre, na Suécia, pela renomada dupla de artesãos Skogsberg&Smart. Ela é vendida em uma maleta de couro preto com direito a dois copos de cristal de brinde. Apenas 800 unidades foram produzidas. Preço sugerido: US$ 1,4 mil

Crystal_bottle_mit-Glaeser_beleuchtet

Crystal_Lederkasten_offen

 

- Johnnie Walker Blue Label – Baccarat
Produzido em virtude do bicentenário do nascimento do criador de Johnnie Walker, em 2005, uma das mais apreciadas produtoras de whisky do mundo criou, em parceria com a Baccarat, a mais tradicional cristallerie do globo, a edição limitada Johnnie Walker Blue Label Baccarat. O processo de produção da bebida se deu com a mistura dos maltes mais raros e de características mais marcantes da Escócia, num decanter sofisticado, que lembra o frasco de um perfume. Preço sugerido: US$ 22 mil

- Highland Park 50 anos
A destilaria Orkney DRAM, uma das mais antigas da Escócia, preparou uma embalagem especial para seu Highland Park 50 anos. A garrafa foi projetada pela premiada designer de jóias Maeve Gillies em vidro e prata. Apenas 275 unidades foram fabricadas, e só podem ser adquiridas na renomada loja Harrods, por US$ 10 mil.

highland-park

- Dom Pérignon Vintage 1995
O Dom Pérignon Vintage 1995 – White Gold é um dos mais caros espumantes do mundo, já que não é comercializado por menos de US$ 17 mil. O desenho da garrafa, de três litros, chama a atenção por ter sido concebida em bainha feita de ouro branco. Existem apenas 100 unidades no planeta, com apenas um par de garrafas disponível em determinados países.

 

- Bollinger 007 James Bond
Para contemplar o lançamento do filme “Quantum of Solace”, da franquia 007, os artesãos do champanhe Bollinger lançaram uma garrafa em forma de bala voltada para colecionadores. Somente 207 unidades dessa “munição”, cunhada pelo designer francês Eric Berthès, sendo que cada uma tem sua numeração, foram fabricadas. Preço sugerido: US$ 6 mil.

- L’Or de Jean Cognac Martell
O conhaque L’Or de Jean, da mítica casa Martell, tem a dupla destilação dos melhores eau-de-vie e uma elegante combinação das quatro principais essências da bebida: grande champagne, petite champagne, fins bois e borderies. A garrafa, de design luxuoso e arrojado, vem dentro de uma embalagem especial metalizada. Preço sugerido: US$ 5 mil

L'Or de Jean Martell Cognac 01

- Henri IV Dudognon
E para fechar, o conhaque mais caro do mundo: o Henri IV Dudognon, que custa R$ 2 milhões. Criado pela descendente do rei Henrique IV e da herdeira da Maison Dudognon, Claudine Dudognon-Bureaud, este conhaque mais que especial foi produzido pela primeira vez no ano de 1976.

Essa mais que nobre bebida passa por um processo de envelhecimento que supera os 100 anos. Com “apenas” 41% de teor alcoólico, o Henri IV Dudognon é vendido numa garrafa que pesa quatro quilos, um mix de platina pura, ouro e 6.500 pedras de diamante.

Agradecimento:
www.areah.com.br
Curta no Face: https://www.facebook.com/AreaH.Portal
Contato: editora@areah.com.br

Continue Lendo
Página 2 de 212